homenagem ao poeta bocage

Bocage 1765/1805
caricatura
em cima do armário / debaixo da pia


VERBO QUENTE
BOCA DE BOCAGE
POETA INDEPENDENTE
VERSOS INDECENTES
BÁSICA CLÁSSICA NERVOSA 
NÃO COMERCIALIZA
PORNÔ- PROTESTO

POR NU CONTEXTO

 EU TE AMO, MAS...
QUEM DISSE QUE
 EU NÃO PRESTO
   OU MESMO
                                     QUE EU NÃO MEREÇA                             
LIBIDO/ TESÃO/ DESEJO

PAPANJO TUDO
                                        NUM ROMÂNTICO BEIJO!                                                          

Teresa Jardim  
                                                                28.05.2015
                                         
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

point

alívio

quem sabe faz ao vivo